PANORAMAS METODOLÓGICOS EM REABILITAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA NO BRASIL: DA TEORIA À PRÁTICA

Lucas Emmanuel Lopes e Santos, Flávia da Cunha Pereira, Cecília Souza Oliveira

Resumo


A neuropsicologia é a ciência que trata das relações entre o cérebro e o comportamento, a partir da investigação de alterações cognitivas e comportamentais associadas às lesões cerebrais e distúrbios neurológicos e/ou psiquiátricos. Dentre as diversas propostas de intervenção que constituem o domínio da neuropsicologia, a reabilitação neuropsicológica (RN) tem a finalidade de capacitar pacientes e familiares a conviver, reduzir ou superar os déficits cognitivos resultantes de lesão ou transtorno neurológico. O presente estudo teve como objetivo realizar uma revisão sistemática da literatura e traçar um panorama do desenvolvimento teórico e prático da RN no Brasil. A pesquisa foi realizada na base de dados LILACS, utilizando-se o unitermo “reabilitação neuropsicológica”. A amostra final resultou em um total de 22 artigos científicos, abrangendo o período de 2000 a 2016. Evidenciou-se que: a) o maior número de publicações sobre o tema se deu no ano de 2011, representando 18,2% da produção total; b) a grande maioria dos trabalhos publicados se refere à estudos de caso, totalizando 36% da produção; c) apenas 18% das publicações apresenta metodologia detalhada do plano de reabilitação neuropsicológica utilizado. Os resultados nos permitem concluir que estudos acerca dos benefícios da reabilitação neuropsicológica ainda são escassos no Brasil.


Palavras-chave


Neuropsicologia; Reabilitação neuropsicológica; Comprometimento neurológico; Produção científica

Texto completo:

PDF

Referências


CRUZ, S.; SCHEWINSKY, S. R.; ALVES, V. L. R. Implicações das alterações de cognição social no processo de reabilitação global do paciente vítima de traumatismo cranioencefálico. Acta Fisiátr, v. 19, n. 4, p. 207-215, 2012. Disponível em:

FUENTES, D.; MALLOY-DINIZ, L. F.; CAMARGO, C. H. P.; COSENZA, R.M. (eds.). Neuropsicologia: Teoria e Prática. 2ª ed. Porto Alegre: Artmed, 2014.

HAMDAN, A. C.; PEREIRA, A. P. A.; RIECHI, T. I. J. S. Avaliação e Reabilitação Neuropsicológica: Desenvolvimento Histórico e Perspectivas Atuais. Interação em Psicologia, v. 15, número especial, p. 47-58, 2011. Disponível em:

LURIA, A. R. Fundamentos de Neuropsicologia (J. A. Ricardo, Trad.). São Paulo: Edusp, 1981.

MÄDER, M. J. Avaliação neuropsicológica: aspectos históricos e situação atual. Psicologia: ciência e profissão, v. 3, p. 12-18, 1996. Disponível em:

RAMOS, A. A.; HAMDAN, A. C. O crescimento da avaliação neuropsicológica no Brasil: uma revisão sistemática. Psicologia: Ciência e Profissão, v. 36, n. 2, p. 471-485, 2016. Disponível em:

RICCIO, C. A.; SULLIVAN, J. R.; COHEN, M. J. Neuropsychological Assessment and Intervention: for Childhood and Adolescent Disorders. New Jersey: Wiley, 2010. 744 p.

SERAPIONI, M. Métodos qualitativos e quantitativos na pesquisa social em saúde: algumas estratégias para a integração. Ciênc. saúde coletiva, v. 5, n. 1, p. 187-192, 2000. Disponível em:

SIMON, S. S.; RIBEIRO, M. P. O. Comprometimento cognitivo leve e reabilitação neuropsicológica: uma revisão bibliográfica. Psic. Rev., v. 20, n. 1, p. 93-122, 2011. Disponível em:




DOI: https://doi.org/10.25242/887672020171246

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Lucas Emmanuel Lopes e Santos, Flávia da Cunha Pereira, Cecília Souza Oliveira

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.