PROPOSTA DE MELHORIA DA ERGONOMIA COGNITIVA E FLUXO DE INFORMAÇÕES: um estudo EM UM LABORATÓRIO DE FLUIDOS DE PERFURAÇÃO EM UMA INDÚSTRIA DO ÓLEO E GÁS EM MACAÉ

Tamires Santos, Mauricio Soares do Vale

Resumo


 

Atualmente, a indústria do óleo e gás no Brasil passa por um cenário de desinvestimentos e redução da mão de obra com o desafio de reduzir custos e acidentes de trabalho sem perder produtividade e eficiência. Para a Associação Brasileira de Ergonomia (ABERGO), a aplicação da Ergonomia, enquanto uma ciência interdisciplinar é essencial para a produção de produtos mais competitivos e amigáveis, além de contribuir para a melhoria da produtividade organizacional. Ampliando seus conceitos e aplicações, a ergonomia cognitiva refere-se aos processos mentais, tais como percepção, memória, raciocínio e resposta motora que afetam as interações entre seres humanos e outros elementos de um sistema. Os tópicos relevantes desta incluem o estudo da carga mental de trabalho, tomada de decisão, desempenho especializado, interação homem computador, estresse e treinamento, além das relações envolvendo seres humanos e sistemas. Neste contexto, o presente estudo tem como objetivos analisar a importância da ergonomia cognitiva e do fluxo de informações em um laboratório de fluidos de petróleo, localizado na cidade de Macaé, através de um diagnóstico da atividade atual e posterior, incluindo propostas de melhoria na busca da prevenção de futuros problemas envolvendo a relação entre seres humanos e sistemas. Este estudo tem como premissa inicial a pesquisa bibliográfica em busca de diretrizes técnicas a serem seguidas durante avaliação do posto de trabalho. Em seguida, será aplicada uma lista de verificação no ambiente de trabalho para diagnosticar o nível de aderência aos princípios da ergonomia cognitiva, além de entrevistas com os químicos do laboratório. Por fim, serão analisados os dados coletados nas entrevistas e lista de verificação para a emissão de um diagnóstico da atual condição ergonômica do setor analisado, de forma que possam ser propostas recomendações ergonômicas em busca de melhorar a produtividade, conforto e segurança no ambiente de trabalho.

 

 

Palavras-chave: ergonomia cognitiva, fluidos de perfuração offshore, saúde e segurança.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25242/885X82220181590

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Tamires Santos

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.