A FUNÇÃO DO EDUCADOR FÍSICO NO ENFRENTAMENTO DO FENÔMENO BULLYING NO ÂMBITO ESCOLAR

Mauricio Rocha Calomeni, Thécia Pontes Costa, Nilo Terra Arêas Neto, Emerson da Mota Saint’Clair

Resumo


O bullying é um fenômeno devastador podendo vir a afetar a auto-estima e a saúde mental dos alunos de uma escola. Pode desencadear alguns problemas de saúde tais como a anorexia, bulimia, depressão, ansiedade e até mesmo o suicídio. O objetivo deste trabalho foi identificar o fenômeno bullying no ambiente escolar e a posição do professor de Educação Física perante os acontecimentos nas aulas. Dessa forma o presente estudo justifica-se por abordar um tema de grande relevância social, além de levantar na literatura científica recente trabalhos que apresentam propostas de combate ao bullying que possam ser desenvolvidas pelos educadores físicos na escola. Os resultados mostraram que os sentimentos relacionados ao fenômeno são variados, sendo categorizados como aspectos de caráter negativo. Por fim, constatou-se que mais estratégias precisam ser determinadas e executadas para amenizar o fenômeno bullying nas aulas de Educação Física.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25242/8868242012237

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.