OBSTRUÇÃO DO CATETER DE NUTRIÇÃO ENTERAL E A ADMINISTRAÇÃO DE FÁRMACOS SÓLIDOS NA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA ADULTO

Mariana Rocha Nogueira dos Santos de Souza, Lara Monteiro Contarine, Jade Branco Coutinho Barreto, Carolina Magalhães dos Santos, Vanessa Pio dos Santos Torres Bertoza

Resumo


Este trabalho teve como objetivo identificar o uso de medicamentos sólidos em pacientes submetidos a terapia nutricional enteral na Unidade de Terapia Intensiva Adulto e seu potencial de obstrução do cateter de nutrição enteral, identificar o conhecimento da equipe de enfermagem sobre a problemática do preparo e administração de medicamentos sólidos por esta via relacionado à obstrução do cateter. Trata-se de um estudo exploratório com análise quantitativa. As informações foram coletadas por meio da análise retrospectiva de prontuários dos pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva Adulto e na aplicação de um questionário à equipe de enfermagem, contendo 10 perguntas, onde 9 são perguntas fechadas e 1 aberta. Obteve-se como resultado 9 (2,88%) dos prontuários demonstraram a obstrução do cateter de nutrição enteral, e 3 (0,96%) apresentaram relatos de perda do cateter por outros motivos. Quanto ao questionário aplicado, observou que 14 (80%) dos técnicos de enfermagem e 4 (100%) dos enfermeiros identificaram a obstrução do cateter devido a administração de fármacos sólidos por via enteral como uma problemática. Desta forma, a equipe multidisciplinar é indispensável na garantia da qualidade da assistência, em conjunto
com a Equipe Multiprofissional de Terapia Nutricional que é responsável por orientar os
profissionais envolvidos. Conclui-se que a educação permanente é fundamental para promover otimização de recursos e a assistência implementada no que tange ao sucesso da terapia nutricional.


Palavras-chave


Palavras-chave: Nutrição enteral; Enfermagem; Formas farmacêuticas; Unidade de Cuidados Intensivos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.25242/886882620181313

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.